Dispositivo de ampliação de imagem construído com sucata

certificada 2013

Instituição
CEEMEF Heitor Villa Lobos
Endereço
Rua Santo Dias da Silva, S/n - Vila Mapa - Lomba do Pinheiro - Porto Alegre/RS
E-mail
pelisolli@gmail.com.br
Telefone
(51) 3319-1413
Responsáveis pela tecnologia
NomeTelefoneE-mailRedes Sociais
Cristiane Pelisolli Cabral(51) 3208-1334pelisolli@bol.com.br
Equipe de Robótica Educacional da EMEF Heitor Villa Lobos(51) 3289-5894roboticavillalobos@gmail.comhttp://www.roboticavillalobos.blogspot.com.br/
Resumo da Tecnologia

O dispositivo de ampliação de imagens foi inicialmente pensado e construído por alunos de Ensino Fundamental da Equipe de Robótica de uma escola pública da periferia de Porto Alegre-RS para ajudar um colega com baixa visão a enxergar melhor os materiais impressos para estudo em sala de aula.*{ods3},{ods4}*

Tema Principal

Saúde

Tema Secundário

Educação

Problema Solucionado

O sistema escolar atual encontra dificuldades para integrar os alunos com necessidades especiais ao ensino regular. Muitas vezes esses alunos frequentam as aulas mas possuem dificuldades de acompanhar as atividades desenvolvidas em sala de aula por falta de recursos que facilitem sua aprendizagem. Foi assim que observamos a dificuldade do nosso colega Guilherme que possui uma doença degenerativa que faz com que sua visão diminua dia após dia. Todo o material impresso precisa ser adaptado para que ele acompanhe as aulas. Tudo que é distribuído aos alunos é feito em tamanho maior para ele. Guilherme é um aluno muito inteligente, curioso, inquieto, que aprende muito rápido, conforme sua professora nos disse. Assim, a visualização do livro didático, por exemplo, para ele era uma tarefa muito difícil de ser realizada. Portanto, o problema inicial a ser resolvido pelos alunos foi: “Como ajudar nosso colega que tem baixa visão a enxergar melhor os materiais impressos em sala de aula e assim facilitar seus estudos?”. A solução encontrada ajudou o nosso colega e poderá ajudar deficientes visuais com baixa visão na visualização de materiais impressos, bem como, idosos que perdem a visão.

Objetivo Geral

Auxiliar deficientes visuais com baixa visão a enxergar melhor materiais impressos, principalmente em sala de aula, para facilitar seus estudos.

Objetivo Específico

Desenvolver um dispositivo de ampliação de materiais impressos para ser usado por deficientes visuais com baixa visão que seja de fácil construção e baixo custo. Auxiliar estudantes com baixa visão na leitura e visualização de materiais impressos em sala de aula facilitando seus estudos. Auxiliar os estudantes com baixa visão a se integrar ao ensino regular nas escolas brasileiras. Auxiliar idosos com baixa visão na leitura e visualização de materiais impressos em casa.

Solução Adotada

O dispositivo foi projetado e construído inicialmente com uma saboneteira, webcam e fita adesiva. Foi feito um furo na saboneteira e a webcam foi fixada dentro da saboneteira com fita adesiva. A webcam aumenta o tamanho dos materiais impressos reproduzindo de maneira bem grande na tela do computador. O primeiro protótipo construído com a saboneteira não se mostrou eficiente por deixar a webcam muito próxima do material impresso, o que deixava a imagem desfocada. No segundo momento a saboneteira foi substituída por um pote plástico e o dispositivo se mostrou totalmente eficiente, pois deixava a webcam um pouco mais distante do material impresso. A imagem dos livros didáticos e outros materiais impressos foi reproduzida de modo aumentado na tela do computador facilitando a leitura para pessoas com baixa visão. O próximo passo foi testar o dispositivo com o colega Guilherme que aprovou o protótipo e pediu para começar a usar logo em sala de aula. A Equipe passou então a divulgar essa solução tão simples mas inovadora e eficiente em eventos científicos, e passou a receber vários prêmios. Foi nesses eventos que recebeu a sugestões de aperfeiçoamento do dispositivo e de expandir o uso também para idosos que perdem a visão com a idade avançada.

Resultado Alcançado

Atualmente o dispositivo de ampliação de imagens construído com sucata está sendo utilizado pelo nosso colega Guilherme que possui baixa visão. A Secretaria Municipal de Educação de Porto Alegre estuda a viabilidade de implementação nas Salas de Integração e Recursos que atende alunos com necessidades especiais em toda a rede de ensino desse município. As pessoas que assitiram as apresentações em eventos científicos também levaram essa solução para sua comunidade.

Locais onde a Tecnologia Social já foi implementada
Cidade/UFBairroData da implementação
Porto Alegre / Rio Grande do SulVila Mapa - Lomba do Pinheiro10/2011
Público-alvo da tecnologia
Público alvo
Idosos
Portadores de deficiência
Recursos materiais necessários para implementação da tecnologia

Pote plástico, webcam, fita adesiva e um computador com configuração básica que pode ser doado ou encontrado em sucatas eletrônicas.

Valor estimado para a implementação da tecnologia

O custo para implementação é zero desde que os materiais sejam reaproveitados de sucatas. Caso a webcam não seja encontrada em sucatas para compor o dispositico, o custo é de aproximadamente R$15,00 para a compra de uma webcam.

Instituições parceiras na tecnologia
Instituição parceiraAtuação na tecnologia social
CESMARPossibilidade de parceria para o desenvolvimento de uma pequena máquina com componentes eletrônicos retirados de sucata eletrônica doadas para o funcionamento do dispositivo e aplicação nas salas de aula da Rede Municipal de Educação de Porto Alegre.
Impacto Ambiental

O dispositivo criado por esse grupo apresenta-se como uma das possibilidades de reaproveitamento de materiais descartados como sucata plástica e sucata eletrônica. Portanto, o impacto ambiental é zero.

Forma de Acompanhamento

O dispositivo de ampliação já foi bastante divulgado em Encontros Científicos tais como: Salão UFRGS Jovem (outubro/2011): recebeu Prêmio de Destaque do Evento; Mostra Nacional de Robótica - MNR (outubro/2012): recebeu certificação; Mostra Virtual de Inclusão Digital da SMED - Porto Alegre (setembro/2012); Campeonato de Robótica Educacional First Lego League – Senior Solutions (março/2013): recebeu indicação para a premiação de Solução Inovadora de Tecnologia para a Terceira Idade.

Forma de Transferência

O vídeo contando a concepção do projeto está disponível na internet no link: https://www.youtube.com/watch?v=_HqjmqJDjfA O processo de contrução está divulgado no nosso Blog: www.roboticavillalobos.blogspot.com e também na nossa Fan Page no Facebook: Equipe Lobóticos de Robótica Educacional

Anexos da tecnologia
LegendaArquivo/Download
Poster sobre o Dispositivo de AmpliaçãoBaixar
Endereços eletrônicos associados à tecnologia